Quantcast
EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Regional

Caminha: “Temos de cerrar os dentes e aguentar”

Rádio Alto Minho

23 Novembro 2020, 8:54

Acessibilidade

Publicidade

O Presidente da Câmara de Caminha, Miguel Alves, diz que naquele município o tempo é de “cerrar os dentes, aguentar e acautelar que aqueles que passam pior tenham uma almofada social e financeira”.

O autarca falava assim ontem à reportagem da Rádio Alto Minho, a propósito de Caminha, estar agora no escalão de risco pandémico “extremo”. E com medidas mais restritivas, que passam pela proibição de circulação na via pública e encerramento dos estabelecimentos comerciais entre as 13 e as 5 horas nos próximos dois fins de semana e feriados de 1 e 8 de dezembro.

“Se não tivermos restauração e comércio, Caminha não funciona, mas com o vírus também não funciona, portanto, se não tivermos cuidado nunca mais saímos desta situação”, comentou também Miguel Gonçalves, Presidente da Junta de Caminha e Vilarelho.

Nas ruas de Caminha havia este domingo de manhã algum movimento, mas com uso de máscara generalizado. “Estou aqui há 28 anos e não me lembro de uma crise destas, mas as medidas têm de ser tomadas para parar a pandemia”, desabafou Tomás Capela, proprietário do café Central. Já Lúcia Carvalho, proprietária da pastelaria Caminhese, disse: “Não sei se as medidas são as necessárias, mas sei que é preciso fazer alguma coisa. Queremos que a pandemia acabe rapidamente. Dezembro vai ser de muita dificuldade”.

Publicidade

Rádio Alto Minho - Decisões e Soluções
Rádio Alto Minho - La Kurtizane
Rádio Alto Minho - Electric Move 01
Rádio Alto Minho - Amaral e Fernandes
Rádio Alto Minho - Census – noticia

Publicidade

Rádio Alto Minho - Perspetiva [João] (notícias)
Rádio Alto Minho - 100% ProAuto

APP ALTO MINHO

APP - Rádio Alto Minho

Comentários

Publicidade