Quantcast
EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Regional

Autárquicas: Luís Nobre já apresentou as suas prioridades para Viana do Castelo

Rádio Alto Minho

09 Junho 2021, 11:24

Acessibilidade

Publicidade

O candidato do Partido Socialista (PS) à Câmara de Viana do Castelo, Luís Nobre, quer aumentar em 25% as vagas nas creches do concelho, lançar um programa de habitação a custos controlados para a classe média e jovens, e promover um concurso internacional de ideias para uma ponte pedonal sobre o rio Lima. 

As propostas constam dos Eixos Estratégicos da candidatura Acreditar no Futuro” às eleições autárquicas deste ano, apresentados terça-feira, 08 de junho, em Viana do Castelo, por Luís Nobre, que lidera a lista socialista e que prometeu lançar 48 medidas nos 48 meses de mandato. 

Tenho noção do excelente trabalho que fizemos até agora no executivo, que muito me orgulha, mas também sei que a gestão municipal é um exercício que não acaba. Por isso, a nossa proposta alia o dinamismo de quem quer fazer ainda mais, com a experiência adquirida e comprovada”, afirmou Luís Nobre, que além de encabeçar a lista do PS é também vereador na Câmara de Viana do Castelo há 16 anos. 

Definidas prioridades da candidatura 

A proposta da candidatura de Luís Nobre assentará em nove Eixos Estratégicos para o desenvolvimento do município de Viana do Castelo, áreas em que a atuação da Câmara Municipal pode fazer a diferença: 1) Recuperação pós-pandemia; 2) Desenvolvimento Económico; 3) Saúde; 4) Coesão Social; 5) Educação e Desporto; 6) Cultura e Turismo; 7) Coesão Territorial; 8) Transição Digital; e 9) Ambiente Sustentável. Luís Nobre iniciou em abril passado um programa de reuniões descentralizadas em todas as freguesias, com a presença da população, agentes sociais, culturais, desportivos, empresários e autarcas, recolhendo já centenas de contributos para esta proposta autárquica, seja ao nível local ou na perspetiva do concelho. Não devemos enganar as pessoas, que têm os seus problemas e os seus anseios. Os objetivos atingem-se com inteligência e competência e nós temos estratégia e planos concretos, porque efetivamente estamos a gerir o concelho e não a ser populistas”, enfatizou Luís Nobre, que apresentou os eixos da candidatura numa conferência de imprensa junto à antiga carruagem do Funicular de Santa Luzia, reabilitada pelo município.

Mais 25% de vagas nas creches do concelho no primeiro ano de mandato 

Para a Infância (eixo da Coesão Social), a candidatura socialista assume o objetivo de aumentar o número de vagas nas creches do concelho em 25% no 1.º ano de mandato, partindo da capacidade atual, que ronda 1.100 vagas instaladas. 

Como um território coeso que pretendemos ser, temos que disponibilizar alternativas para os trabalhadores, desde logo criando condições ao nível das creches. Temos parques industriais que necessitam de creches para estas mães e pais trabalhadores. E para isso, seja pelo apoio às empresas ou pelo investimento que as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) necessitem de realizar para alargar a capacidade e oferta, podem contar com o município”, afirmou Luís Nobre. 

Habitação para fixar classe média e jovens 

Na Habitação (eixo da Coesão Social), a candidatura autárquica propõe implementar um programa habitacional a custos controlados, para fixação no concelho de famílias da classe média e jovens, tendo como únicos critérios a idade e o rendimento médio do agregado familiar. 

Não se trata de habitação social, porque para essa já temos outras soluções, mas sim garantir o acesso à habitação daqueles que não encontram resposta por via dos mercados de compra e ou de arrendamento”, explicou o candidato socialista. Paralelamente, será criada uma Bolsa Municipal de Terrenos, bem como das juntas de Freguesia do concelho, para impulsionar o modelo de construção de habitação a custos controlados. 

A estratégia subjacente nos eixos da Infância e da Habitação é clara e passa por estimular a fixação de jovens, famílias de rendimento médio e captar novos residentes que já trabalham em Viana do Castelo. É essa a nossa grande aposta”, resumiu Luís Nobre. 

Na habitação social, a solução passará pela Estratégia Local de Habitação, com o 1.º direito, recentemente protocolado entre o município e a Secretaria de Estado da Habitação num investimento global de 26,9 M€.

Mobilidade com ponte pedonal sobre o rio Lima Na área da Mobilidade (eixo Coesão Territorial) consta o objetivo de lançar um concurso internacional de ideias para desenvolvimento de projeto de ligação pedonal entre as duas margens do Lima nos primeiros 100 dias do mandato, além da concretização do projeto da quarta travessia viária sobre o rio no concelho de Viana do Castelo. 

A candidatura de Luís Nobre propõe ainda o aprofundamento da mobilidade sustentável da área urbana, em que o concelho de Viana do Castelo já é uma referência nacional, através de vias pedonais e ciclovias, na articulação entre o interface de transportes, os parques estacionamento municipais, mini autocarros elétricos e rede de urbana de ciclovias. 

Queremos consolidar a rede da eco e ciclovia, que já conta com 45 quilómetros. Apesar de ser um assunto que não está na competência da autarquia, continuaremos a dialogar e a trabalhar com a administração portuária para resolver, em definitivo, as dificuldades de funcionamento da ponte da marina, de forma a permitir a total fruição da nossa ciclovia. 

Resposta sanitária e retoma económica com novas apostas No eixo do Desenvolvimento Económico, a prioridade assenta na retoma após a pandemia e da respetiva resposta sanitária à covid-19, com a continuidade da canalização de financiamentos nacionais e comunitários para projetos de recuperação e resiliência no concelho, enquanto no eixo da Cultura e Turismo Luís Nobre defende a aposta na afirmação de Viana do Castelo como Centro de Turismo de Natureza. Viana do Castelo será a Capital Europeia do Desporto em 2023 e vamos desenvolver e implementar uma estratégia para potenciar as nossas condições e dinamizar desportos de natureza”, assumiu o candidato, apontando desta forma a Educação e Desporto como outro eixo prioritário da candidatura autárquica. 

No eixo do Ambiente Sustentável, um dos objetivos da candidatura socialista é criar as bases para permitir, até 2050, que Viana do Castelo seja o primeiro concelho do país a atingir a neutralidade carbónica, aprofundando e consolidando projetos como os das energias renováveis e oceânicas, bem como apoiando, o nosso universo empresarial na implementação comunidades energéticas em todos os parques empresariais e industriais.

Publicidade

Rádio Alto Minho - Germano de Sousa
Rádio Alto Minho - Decisões e Soluções
Rádio Alto Minho - Leitão da Costa
Rádio Alto Minho - Census – noticia

Publicidade

Rádio Alto Minho - Perspetiva [João] (notícias)
Rádio Alto Minho - AUTO QF
Rádio Alto Minho - 100% ProAuto
Rádio Alto Minho - Nobre Movel

APP ALTO MINHO

APP - Rádio Alto Minho

Comentários

Publicidade